Tuesday, May 08, 2007

O medo e seus segredos

O Forasteiro fez um comentário aí embaixo que me fez refletir. Ele disse que tem medo que o tempo passe depressa demais. Quando eu era pequena e tinha medo de lagartixa, aquele bichinho gelado, inofensivo e quase transparente que o meu filho acha uma gracinha, o tempo passava devagar demais. Eu não via a hora de crescer, conseguir um trabalho e ser independente.

Agora o tempo passa depressa demais. Não tenho medo de envelhecer. O tempo é generoso com as pessoas que sabem aceitá-lo com graça. Hoje em dia sou muito mais resolvida e estou de bem comigo mesma. Tampouco tenho medo da morte, contanto que ela não seja muito ríspida. O que tenho medo é de não ter tempo suficiente para fazer tudo que quero fazer na vida.

Quando era jovem, sempre achei que não passaria dos 35 anos. Na época eu não andava muito bem com a vida já fazia um bom tempo. Mas um dia, eu estava entediada no trabalho e resolvi escrever uma lista de coisas que eu ainda queria fazer antes de morrer. Uma das coisas era visitar Paris.

Pois bem, o tempo passou e se encarregou de me levar para muitos outros lugares. Ultrapassei os 35 com um certo alívio e agora eu quero muito mais. Quero tanto que às vezes eu sinto uma urgência como se os meus dias estivessem contados. E de certa forma estão. Para todos os nós.

O truque do tempo é saboreá-lo no presente.

4 Comments:

Anonymous Elizabeth said...

O que eu tenho medo é de morrer antes da Lotta estar mocinha, acho sempre que ela ainda precisa tanto de uma mãe.
No mais vivo cada dia como uma bencão e como se fosse meu ultimo aproveitando a cada minutinho.

1:19 AM  
Blogger Denise Arcoverde said...

Excelente. Também pensei no comentário do Forasteiro.

Vi, dia desses, um trailer d eum filme "Away from Her", que começa hoje, sobre um casal que viveu juntinho por dezenas de anos e agora ela tem Alzheimer e precisa ir para uma casa onde vai receber tratamento. Chorei o trailer todo, imagina no filme?

Não tenho medo de envelhecer, spo de perder a razão (que já não é das melhores hehehehe).

Quero ser Hilda Hilst quando envelhecer :-)

5:42 AM  
Blogger Regina said...

Elizabeth,

Eu tambem tenho muito medo de morrer antes de ter os meus filhos criados. Acho que e' coisa de mae, mesmo.

Bjs.

Regina

12:51 AM  
Blogger Regina said...

Denise,

Tambem tenho medo de perder a memoria. Alzheimer e' uma doenca muito triste porque e' como se a pessoa fosse se ausentando pouco a pouco.

Bjs.

Regina

12:52 AM  

Post a Comment

<< Home